Conheça as melhores práticas em gestão de assinaturas

Conheça_as_melhores_práticas_em_gestão_de_assinaturas.jpg.jpeg

 

Não existe um modelo de negócio que garantirá o sucesso, por isso, cada empresa precisa testar e validar as melhores ações e estratégias para a sua gestão administrativa. Porém, certos posicionamentos são importantes nesse processo, como controle financeiro, desenvolvimento de produto e criação de um sistema de pagamentos.

A gestão de assinaturas é uma das alternativas para quem busca um modelo de pagamento recorrente para a validação do seu negócio. Apesar de garantir que todo mês um volume de recursos entre no caixa, o pagamento por assinaturas precisa de um modelo de gestão sólido que garanta a entrega do produto ou serviço contratado, um controle rígido — afinal, inadimplência também acontece nesse modelo de pagamento — e captação de novos clientes para que mantenham a saúde financeira do negócio.

Como criar um planejamento e desenvolver um modelo de gestão de assinaturas eficiente? Descubra no nosso artigo do dia!

Modelos de cobrança

O pagamento por assinaturas pode acontecer de algumas formas diferentes. O pagamento mês a mês sem parcelamento é uma das possibilidades, mas esse modelo é mais indicado para aqueles serviços que não necessitam de recorrer a um prazo de fidelidade mínima.

Serviços de streaming são um exemplo. A empresa comercializa mais facilmente e o cliente encontra facilidades na hora de contratar ou cancelar.

Porém, quando o serviço ou produto da sua empresa precisa de um tempo para gerar resultados para os seus clientes, é aconselhável criar um prazo de fidelidade mínima que garanta tempo suficiente para a instituição gerar os resultados esperados, conquistar e fidelizar o seu consumidor. Nesse modelo, também é comum acontecer a cobrança de taxas extras, como implantação, manutenção e treinamento.

A assinatura parcelada

Outra possibilidade é adotar a assinatura parcelada. Nela, por exemplo, é possível oferecer a um cliente a contratação de um produto ou serviço por um prazo de dois anos, que pode ser pago em um prazo inferior (8 parcelas, por exemplo) com desconto.

A empresa recebe o valor inteiro do contrato com antecedência e o cliente passa a contar com o produto ou serviço contratado por um período maior e com mais facilidades. Nesse modelo, a instituição consegue trabalhar a retenção de consumidores de maneira mais eficiente.

Boas práticas

Ao oferecer o pagamento por assinaturas, a empresa está criando um vínculo mais próximo com os seus clientes. Além disso, trata-se de um modelo em que é necessário não só conquistar, como fidelizar o consumidor.

Oferecer experiências únicas e tratamento personalizado é uma das formas de melhorar a gestão desse modelo e o relacionamento com o seu público, mas para isso, é necessário conhecer quem compra com você. Monitore e crie um perfil de seus clientes.

Porém, não basta ter conhecimento sobre seus consumidores e desenvolver um modelo de vendas eficiente. Se não contar com um modelo de gestão, é bastante provável que você encontrará dificuldades em seu negócio.

Um software de gestão é um grande aliado, permitindo controle administrativo, melhor relacionamento com clientes e desenvolvimento da visão sistêmica da sua empresa. Esses programas ainda possibilitam a gestão da inadimplência, ou seja, saber quem são as pessoas que estão pagando a assinatura, quem não está e quanto sua empresa está deixando de ganhar. Com esses dados fica mais fácil entender por que esses clientes não cumprem com a sua obrigação e, assim, traçar uma estratégia para receber os valores atrasados.

Não cometa erros

Na hora de adotar um pagamento por assinaturas, é preciso ficar atento para não cometer deslizes. É bastante comum que empresas não ofereçam grandes diferenciais ou serviços personalizados, mas isso é essencial para quem trabalha por assinatura.

Ninguém contratará um serviço recorrente se ele não se mostrar imprescindível para a rotina do consumidor — é pensar em fidelização. Não possuir um sistema de controle dos pagamentos, da saída de recursos e da taxa de inadimplência pode comprometer toda a parte financeira da sua empresa.

Quem não possui uma boa saúde financeira tende a passar por grandes dificuldades na gestão institucional. Cuidar do seu setor administrativo é vital para qualquer negócio.

O que achou deste artigo sobre as melhores práticas em gestão de assinaturas? Confira também esse texto que trata de como fazer cobranças recorrentes!

O Autor
Vice-presidente no Asaas
Gerar boleto

Esteja sempre bem informado sem pagar nada!

Cadastre-se e receba um e-mail semanal com as últimas novidades do blog.