O que é e como criar link de pagamento? Passo a passo

por Link de pagamento

Publicado em 5 de junho, 2019 | Atualizado em 4 de junho, 2024

Conforme a Neotrust, empresa que faz pesquisas sobre o cenário do e-commerce brasileiro, só em 2021 esse mercado cresceu em 27%, com faturamento de R$ 161 bilhões. Diante disso, a praticidade e a agilidade se tornaram essenciais para a fidelização de um cliente. 

Dentro disso, o link de pagamento é uma ferramenta que pode suprir essas necessidades, tornando mais rápida e segura a finalização de suas vendas

Neste artigo, vamos te explicar um pouco sobre o que é link de pagamento e como você pode utilizá-lo na sua empresa.

O link de pagamento é um recurso facilitador de recebimento. Por meio dele, o consumidor não precisa ir até a loja física para efetuar o pagamento. Basta que ele acesse a URL criada e compartilhada pela empresa para finalizar a compra. 

Os links são únicos e podem ser usados em diversas ocasiões, inclusive nas vendas à vista, parceladas ou recorrentes. Ele pode ser usado tanto para compras e vendas, quanto para recebimento de doações.

Esse tipo de serviço traz mais comodidade e facilidade para o cliente fazer o pagamento. Já para a empresa, o link de pagamento viabiliza vendas por qualquer rede social. Além disso, ele também pode ser utilizado para receber doações de quaisquer pessoas.

Com o link para pagamento o seu cliente poderá pagar por meio de Pix, boleto, cartão de crédito (à vista ou parcelado).

Com acesso ao link de cobrança, o cliente só precisará clicar na URL e inserir as informações essenciais, como o número de parcelas e os dados do cartão. Isso facilita a venda pelo WhatsApp e dá praticidade para compartilhar o link com seu consumidor.

  • Expiração do Link: Outra funcionalidade que pode ser atribuída ao link, é o tempo de expiração da URL. Ela pode ser usada para o lançamento de promoções, blackfriday ou ofertas relâmpagos. Você também poderá estipular o valor de juros e multas para os casos de atraso do pagamento.
  • Aceite pagamentos rápidos e eficientes por assinatura: Essa função de Assinatura também facilita as campanhas de doações mensais, já que você pode optar por não definir um valor exato de pagamento, deixando a critério do cliente o valor que será pago.
  • Personalize o seu link: Você pode personalizar o link e deixá-lo com a cara da sua empresa, permitindo a inserção de imagens e nomeação do link. A venda por link de pagamento pode facilitar a interação com seu cliente pelas redes sociais e, ainda, aumentar a confiabilidade do consumidor com a loja.  

O uso do link de pagamento pode proporcionar várias vantagens para o seu negócio. Desde o aumento de vendas até a automatização do processo de compra, a ferramenta pode inovar a sua maneira de vender e receber seus pagamentos

Para te ajudar, separamos as principais vantagens de usar esse recurso.

Aumento das vendas online

Por ser uma ferramenta simples, de fácil uso e que pode ser compartilhada por meio das redes sociais, o link de pagamento melhora a experiência de compra do seu cliente. Isso estabelece um vínculo de confiança entre vocês, o que pode fazer com que o cliente sempre volte a comprar no mesmo local.

Outro ponto positivo é que as vendas por link facilitam a conversão de compras que estavam paradas. Quando você mostra ao cliente que ele concluirá a compra com poucos cliques, as chances da compra dar certo são maiores. Além disso, você terá pagamentos rápidos e eficientes.

Controle de pagamentos

Sempre que você receber dinheiro por meio desse tipo de endereço eletrônico, chegará uma notificação em tempo real, com todas as informações da compra, como valor total, forma de pagamento e se a aquisição foi parcelada ou não. 

Assim, fica bem mais fácil fazer a sua gestão financeira, o gerenciamento e a previsão de fluxo de caixa, além de haver informações reais para a cobrança de devedores.

Venda sem maquininha

Com essa ferramenta, você não precisará se preocupar com a maquininha de cartão. Todos podem ter acesso à fatura por meio de um único link. Dessa forma, você elimina gastos com o aluguel da maquininha e também consegue ter taxas por transação mais atrativas em comparação a outras formas de recebimento via cartão. 

Além disso, pode fechar vendas em todos os cantos do Brasil, sem precisar se limitar a um espaço físico ou localização geográfica. O link de pagamento vai até onde o seu cliente estiver.

Compartilhamento com quem desejar

Após serem gerados, os links para pagamento online podem ser compartilhados com quem você desejar, e por diversos canais, como e-mail, WhatsApp e, até mesmo, pelas redes sociais. 

Ao fazer o compartilhamento do link, o comprador acessa a página, escolhe a forma de pagamento e aguarda a aprovação, assim como acontece em compras online comuns. Depois, quando o recebimento for identificado, é só o consumidor aguardar a entrega do produto ou a efetivação dos serviços que são prestados pela sua empresa.

Maior flexibilidade de pagamento e cobrança

A flexibilidade de pagamento — isto é, quando você disponibiliza diferentes e variadas formas e condições de o comprador pagar pelo item — é uma maneira de chamar a atenção dos consumidores e de facilitar o seu recebimento.

Isso acontece porque, primeiro, quanto mais formas de pagamento o cliente tiver, mais difícil será desistir da compra ou não ter como pagar. Por exemplo, nem todos têm limite no cartão de crédito, nesse caso, o boleto é mais acessível e direto.

Os links de pagamento são facilitadores de pagamento e cobrança. Eles podem ser usados por lojistas, vendedores, e-commerces ou por qualquer outra pessoa que tenha estabelecida a relação fornecedor-cliente. 

Os links de pagamento para pequenas empresas podem ser de grande ajuda, já que com a utilização dele você terá o benefício de pagamento rápido e ainda irá receber pela internet, o que facilita o controle do dinheiro que entra na sua conta. 

Ele pode ser utilizado por instituições, igrejas, ONGs e associações para o recebimento de doações

Vendas online, prestação de serviço e delivery

Um recurso do link de pagamento, é que você pode anexar imagens nele. Esse tipo de prática pode ser muito útil para negócios que tem entrega delivery e que vendem pelo WhatsApp ou pelo Instagram, já que o cliente poderá confirmar o produto desejado. 

O link de cobrança, também pode ser utilizado por empresas que fazem prestação de serviço sazonal, ou seja, que liberam serviços por tempo limitado, como a Netflix, por exemplo. No Asaas, a assinatura pode ser  semanal, quinzenal, mensal, bimestral, trimestral, semestral ou anual.

Além disso, com o link de pagamento, você irá proporcionar ao cliente uma experiência rápida e prática de pagamento, precisando apenas que ele entre na URL (link) encaminhada.

ONGs, igrejas e associações

Já para as organizações sem fins lucrativos ou que fazem projetos que dependem das doações do público, o link de pagamento tem a opção de não estabelecer um valor específico. Isso possibilita que a pessoa com acesso à URL coloque o valor desejado para doar.

Para as igrejas, por exemplo, o link de pagamento pode ser muito útil para arrecadação de doações e dízimos, dando a possibilidade de pagamento por Pix ou até mesmo no crédito, tudo pelo celular. E ainda tem a opção de pagamento recorrente para doações fixas mensais.

A imagem mostra todas as formas de vender por link de pagamento

Qual o melhor link de pagamento?

Além de tudo que já comentamos acima, vamos te mostrar por quais motivos você precisa de uma fintech, que colabora com seu sucesso, te dando todo o suporte necessário. Confira os diferenciais do link de pagamento Asaas:

  • Link de pagamento com antecipação: no Asaas, você consegue criar o link de pagamento com antecipação dos recebíveis, principalmente em compras parceladas e recorrentes. Isso significa que, de forma prática, você pode ter um adiantamento do seu pagamento.
  • Link de pagamento parcelado: é uma ferramenta que pode ser usada por todos. Empresas, ONGs ou até mesmo profissionais autônomos podem utilizar o recurso para receber de forma parcelada o pagamento dos clientes. O pagamento parcelado é recomendado para serviços que já tenham um valor pré-determinado, dando a possibilidade de parcelar em até 12 vezes no cartão de crédito ou até 180 vezes no boleto, facilitando o pagamento. 
  • Régua de cobranças automática: a régua de cobrança automática e uma técnica eficaz, principalmente, na organização das finanças da empresa. Sendo assim, ao criar o link de pagamento com a gente, você não precisará mais se preocupar em cobrar seus clientes. Basta criar o link de pagamento e ativar os lembretes. Nós iremos notificar seus clientes por WhatsApp, e-mail, SMS e robô de voz, antes e depois do vencimento.

Aplicativo para gerar e receber por link de pagamento

No Asaas, você pode gerar links e compartilhar com seus clientes de forma prática e rápida, para que eles possam fazer o pagamento por link da melhor forma possível e ainda facilitar o seu trabalho.

O melhor de tudo é que, além do sistema online para o computador, você também pode baixar o app do Asaas, disponível para android e iOS. Lá, você poderá realizar todas as transações e vendas por link na palma das suas mãos.

O link de pagamento pode ser muito útil se você tem uma loja física e quer passar as vendas para o digital, vendendo em plataformas como o Facebook ou o Instagram. Os pagamentos por link podem facilitar seu contato com o cliente, tendo em vista que o recebimento será feito de forma totalmente online

E para gerar link de pagamento no Asaas, você só precisa seguir as seguintes etapas: 

1. Estipule o valor do link

Primeiro, você coloca o valor definido pela compra, ou, em determinados casos, não define nenhum valor. Depois, você preenche todos os outros campos obrigatórios (nome do link e descrição da cobrança).

Nos casos em que você não definir um valor, será permitido que seu cliente escolha a quantia que irá pagar. Esse modo é recomendado especialmente para doações ou arrecadações de instituições filantrópicas.

Ainda nessa primeira etapa da criação do link de pagamento, você pode escolher se quer receber ou não as notificações do link de pagamento. Além disso, você também pode adicionar até 5 imagens ao link, desde que estejam nos formatos JPG, JPEG ou PNG.

Interface do Asaas na criação do link de pagamento.
Primeira etapa: Como você deseja cobrar seu cliente?
Valor predefinido ou Não definir um valor

2. Escolha a forma de pagamento via link

Nesta segunda etapa do link de pagamento, você deve preencher as formas de pagamento que o seu cliente irá pagar, se é à vista ou parcelado, ou se será uma assinatura

Você também deve estabelecer a quantidade máxima de parcelas ou, se for uma assinatura, informar se será semanal, quinzenal, mensal, bimestral, trimestral, semestral ou anual.

Em seguida, você deve colocar qual será a forma de pagamento (boleto bancário, Pix ou cartão de crédito). Caso você opte por disponibilizar mais de uma forma de pagamento, seu cliente poderá escolher qual a mais conveniente para ele.

Ao final da etapa, você também pode estabelecer, de forma opcional, uma data de vencimento do link, sendo desabilitado automaticamente após a data definida. No caso das assinaturas, é possível informar somente a data de fim do próprio link e não da assinatura.

Interface do Asaas na criação do link de pagamento.
Segunda etapa: Como o seu cliente poderá pagar?
À vista, parcelado ou por assinatura?

3. Confirme as informações do link de pagamento

Para finalizar, nessa terceira etapa de criação do link de pagamento temos o espaço Resumo, que é uma espécie de descrição do pagamento. Nessa parte você também poderá conferir as informações do link de pagamento antes de lançá-lo.

Nele você poderá confirmar: 

  • o valor da cobrança (caso o valor esteja definido);
  • o nome do link de pagamento;
  • a ativação das notificações;
  • o valor líquido que você irá receber;
  • a forma de pagamento de seu cliente;
  • a validade do boleto;
  • a data de encerramento do link;
  • as imagens adicionadas.

Você poderá editar essas informações, se necessário.

Interface do Asaas na criação do link de pagamento.
Terceira etapa:  Confirme todos os dados

4. Compartilhe o link de pagamento com o cliente/doador

Com o link de pagamento criado, você conseguirá compartilhá-lo com seus clientes ou doadores. O link pode ser encaminhado por suas redes sociais, como o Facebook e Instagram, ou ainda por mensagem de texto, como WhatsApp ou SMS.

Interface do Asaas na criação do link de pagamento.
Quarta etapa:  Compartilhe com seu cliente

Confira um exemplo de mensagem voltado para lojistas:

Mensagem no WhatsApp com o seguinte texto:
Oii
Que bom atender você aqui!
Para finalizar sua compra, acesse (coloque o link).
Seu produto deve chegar logo
Qualquer dúvida, entre em contato com a gente!
Até breve

5. Aguarde a mensagem de confirmação de pagamento

Após o pagamento do link pelo cliente, será enviada uma mensagem de confirmação para você. Isso te ajudará a ter um maior controle do fluxo do seu dinheiro, colaborando com a organização do seu caixa.

Você também poderá acompanhar outras informações do seu link de pagamento como: quantidade de visualizações, quantos clientes já fizeram o pagamento e quais cobranças foram geradas, tudo isso na aba “Link de pagamento”, que fica dentro da plataforma Asaas.

Agora que você já sabe tudo sobre link de pagamento, não perca tempo! Crie uma conta no Asaas agora e facilite suas cobranças!

7 Comentários

  1. Susane Alves da Silva

    Quero receber doações

    Responder
  2. Lenilda da Silva Soares

    Gostaria muito de saber mas respeito

    Responder
    • Redação Asaas

      Olá, Lenilda!

      Caso precise tirar dúvidas, pode entrar em contato com o nosso time:

      Telefone: 0800 009 0037
      WhatsApp: (47) 99138-5151 (somente mensagens)
      E-mail: contato@asaas.com.br

      Responder
  3. Jéssica Silva Ferreira

    Otimo

    Responder
  4. Pedro

    Em caso de doações para igrejas, se a pessoa assinar a opção assinatura recorrente, sem a opção de prazo final, caso ela queira cancelar algum dia, ela consegue fazer sozinha ou gera uma demanda de suporte nosso?

    Responder
    • Redação Asaas

      Olá, Pedro

      Neste caso é preciso que o nosso cliente defina um fim para a assinatura, por ora, o pagador não tem acesso à esta opção.

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.