Como funciona o link de pagamento para vender online ou receber doações

por Link de pagamento

Publicado em 14 de julho, 2022 | Atualizado em 16 de fevereiro, 2024

Ao realizar compras online, o cliente deseja praticidade e é exatamente por isso que você precisa saber como funciona o link de pagamento. A solução é uma das melhores formas de viabilizar vendas pelas redes sociais, diminuir as chances de desistência e facilitar promoções, por exemplo.

Quanto mais fácil for o processo de adquirir o produto ou serviço do seu negócio, maiores são as chances do cliente sair satisfeito e comprar novamente. Tudo isso faz parte da experiência do consumidor e traz um impacto direto nos resultados das vendas.

Nesse sentido, inovar e expandir as formas de pagamento é essencial para quem vende no digital. Neste conteúdo, você confere tudo sobre o link de pagamento, as formas de uso e o recebimento desse formato. Continue a leitura para saber mais!

O link para pagamento é uma solução simples e segura para receber o pagamento enviando o link diretamente ao cliente. Tudo o que precisa, é configurar o link, que pode ser feito em poucos cliques, e depois enviar como preferir. Com ele, o pagamento do pedido, pode ser via cartão de crédito, boleto ou Pix.

Ao acessar o link, o cliente consegue finalizar a compra de forma rápida e fácil, selecionando a forma de pagamento desejada. Em seguida, é só aguardar a confirmação do pagamento e acompanhar o recebimento na sua conta digital. 

O link pode ser compartilhado nas redes sociais como WhatsApp, Instagram ou Facebook, por exemplo. O cliente recebe o link via mensagem e consegue finalizar a compra sem precisar passar por todas as etapas de checkout. Além da praticidade, a solução garante uma visão muito mais profissional do seu negócio. 

1. É possível cobrar juros e multa?

O link de pagamento para vender online pode ser usado para recebimento em cartão de crédito, boleto ou Pix e é um link individual e único. Nesse sentido, as configurações de cobrança seguem os padrões estabelecidos em cada formato. 

2. Como aplicar desconto nos pagamentos por link?

Caso você deseje, pode incluir o valor com o desconto ao selecionar a opção “valor pré-definido”. Se fizer uma ação promocional com desconto para pagamentos no formato Pix, por exemplo, pode oferecer o desconto com o link de pagamento para recebimento na hora.

3. Para cobrar por link é preciso ter um valor pré-definido?

Na hora de gerar o seu link de pagamento no Asaas, é possível escolher entre o “valor predefinido”, ideal para venda de produtos ou serviços, ou “pergunte ao cliente”, em que ele pode inserir o valor, uma opção útil para recebimento de doações

4. É possível nomear o link de pagamento?

Na hora de inserir as informações para cobrar por link de pagamento é importante nomear o link para ficar claro qual a sua finalidade de acordo com o seu negócio. Assim, o cliente acessa o link com dados completos para finalizar a compra.

5. Tem como adicionar imagens ao link de pagamento?

As fotos podem ser incluídas para deixar o seu link de pagamento para venda mais atrativo e personalizado, aumentando as chances de conversões. 

link de pagamento

6. O link de pagamento pode ser compartilhado?

Após gerar o link de pagamento, ele pode ser compartilhado da forma que preferir, seja na sua loja virtual ou pelas redes sociais. É válido pontuar que o link gerado é exclusivo para cada compra para garantir a segurança da transação.

Viu só como funciona o link de pagamento? É uma solução simples e prática para receber os pagamentos no seu negócio. O formato de recebimento é vantajoso não apenas pela sua praticidade, mas também pelas opções de uso que ela oferece. Veja algumas aplicações a seguir.

Venda online

Como vimos, você pode usar o pagamento por link nas suas vendas online ao compartilhar via redes sociais ou através do seu site oficial. O link de pagamento parcelado pode ser uma oportunidade de aumentar as vendas já que oferece condições de pagamento atrativas para o público.

Receber doações

Se você deseja receber doações, gerar o link de pagamento pode ser útil. Você consegue deixar o campo do valor em branco para ser preenchido pelos doadores. Vale para campanhas pontuais, arrecadações para ONGs, igrejas ou uma ação de vaquinha, por exemplo. Também é possível criar um link de pagamento por assinatura e manter as doações recorrentes.

Estabelecimentos e venda presencial

Quer vender no cartão de crédito sem a maquininha na sua loja física? Fácil, você só precisa enviar o link de pagamento para o cliente via WhatsApp. Pode ser uma alternativa interessante se o seu negócio faz delivery, por exemplo, assim não precisa enviar uma maquininha para o cliente.

Além do link de pagamento, outra solução importante para cobrar seus clientes no estabelecimento presencial é o Cobrar Agora. Essa ferramenta está disponível no aplicativo do Asaas (Android ou IOS), e dispensa o uso da maquininha do cartão.

Através dessa ferramenta, seus vendedores podem cadastrar o cartão do cliente dentro do aplicativo e converter a venda em um pagamento à vista, parcelado ou por assinatura.

A imagem mostra todas as vantagens da cobrança por link de pagamento Asaas

Quais são as formas de pagamento por link?

Aumentar as possibilidades de pagamento garante maiores chances do seu cliente não desistir da compra. Isso porque ele tem mais chances de encontrar a opção que deseja para fechar o pedido, sem isso ser um motivo para cancelar.

Imagine que seu cliente não tenha limite no cartão, por exemplo, se você tivesse apenas essa opção seria uma venda perdida, não é mesmo? Com o link de pagamento você pode inserir as opções de boleto ou pagamento por Pix, tornando mais acessível e amplo.

Pagamento à vista ou parcelado

Nesse formato, o cliente pode selecionar se quer pagar à vista ou definir a quantidade de parcelas que deseja dividir. Na hora de configurar o link de pagamento você pode informar o limite total de parcelas disponíveis.

Pagamento por assinatura

Ideal para pagamentos feitos com recorrência, no formato de uma assinatura como Spotify e Netflix, por exemplo. Assim, a cobrança é determinada para ser feita como se fosse uma mensalidade.

No Asaas, nossos clientes têm sete opções de sazonalidade. É possível criar uma assinatura que é cobrada de forma semanal, quinzenal, mensal, bimestral, trimestral, semestral ou até mesmo anual. Assim, atendemos a diversos tipos de empresas e necessidades.

Para ter um link de pagamento seguro é importante contar com uma plataforma de pagamentos online completa como o Asaas. Além de emitir o link, a plataforma facilita o gerenciamento dos recebíveis e ajuda na cobrança dos clientes com envio de notificações e lembretes para pagamento.

Assim, você não precisa se preocupar em enviar cobranças aos clientes, basta estabelecer o período de envio e a plataforma faz a cobrança via WhatsApp, SMS e e-mail automaticamente. O melhor link de pagamento é aquele que oferece as funcionalidades adequadas ao seu negócio e potencializam as chances de recebimento do dinheiro. 

Agora que você já sabe como funciona o link de pagamento e está preparado para impulsionar suas vendas com a solução, saiba como gerar o seu link de pagamentos agora mesmo!

8 Comentários

  1. Bruno

    Se a pessoa que receber o link for estrangeiro e não tiver CPF, ela conseguirá realizar o pagamento via esse link?

    Responder
    • Redação Asaas

      Olá, Bruno!

      Para receber o pagamento será necessário solicitar habilitação de pagador estrangeiro para a nossa equipe, assim, conseguimos liberar o fluxo existente dessa habilitação para a sua conta.

      Você pode entrar em contato com a nossa equipe pelos canais de atendimento:

      0800 009 0037
      (47) 99138-5151 (somente mensagens)
      contato@asaas.com.br

      Responder
  2. Mateus

    Olá, no caso de venda parcelada.. recebe o valor total em 32 dias.. ou vai recebendo parcela por parcela?

    Responder
    • Redação Asaas

      Olá, Mateus!

      O prazo de recebimento é de 30 dias para cada parcela.

      Responder
  3. Edvaldo Barros

    Para receber uma doacao para igreja, em caso de link, é o mesmo processo? É preciso ter um site?

    Responder
    • Redação Asaas

      Oi, Edvaldo

      Não é necessário ter um site para receber doações via link de pagamento, basta fazer o cadastro no Asaas e ativar a sua conta. Você pode compartilhar o link pelo WhatsApp, mensagem de texto, Chats, Instagram e outros canais. A criação do link de pagamento é super rápida e prática.

      – Aqui você pode ler mais sobre como gerar link de pagamento com o Asaas: https://blog.asaas.com/como-gerar-link-de-pagamento/
      – Aqui tem o vídeo com o passo a passo para gerar link de pagamento: https://www.youtube.com/watch?v=-ASSEumB4PI
      – Aqui você pode criar a sua conta no Asaas e começar a usar o link de pagamentos: https://www.asaas.com/link-pagamento

      Lembrando que no Asaas não cobramos mensalidade e temos um aplicativo para emissão de links pelo celular!

      Responder
  4. José Roberto Paes Leme

    Olá! Tenho algumas perguntas; estou utilizando o Asaas para captação de recursos, portanto os Clientes farão doações:
    1- É possível vincular um ou mais Clientes no mesmo link ?; como proceder ?;
    2- uma vez vinculado alguns Clientes ao link criado, há como o sistema enviar o link para este Clientes automaticamente ?, eu posso definir o prazo para que o link seja enviado novamente aos Clientes vinculados ?
    3- O Cliente poderá utilizar o mesmo link para realizar mais de uma doação, variando a forma de pagamento ?; ou neste caso tenho que me utilizar do pagamento parcelado ?
    4- Criarei um link sem data de validade, uma vez que me utilize de contribuição parcelada, poderei após 12 parcelas (por exemplo), alterar o mesmo link para 24 ou 36 parcelas ?
    Grato pela atenção.

    Responder
    • Redação Asaas

      Olá, José

      Respondendo as dúvidas enviadas:
      1. O link de pagamento é universal, então você pode utilizar ele pra receber de todos os seus clientes, as cobranças que forem geradas ficarão vinculadas ao seu link.
      2. Ainda não dispomos de notificações específicas para o link de pagamento, mas sim para as cobranças que forem criadas através do link, aqui encontras mais detalhes: https://ajuda.asaas.com/pt-BR/articles/6953604-quando-as-notificacoes-de-cobrancas-sao-enviadas
      3. O cliente pode utilizar o mesmo link, desde que ele seja criado com a forma de pagamento “pergunte ao cliente”, assim a cada acesso o doador poderá escolher como deseja pagar.
      4. É possível realizar este tipo de alteração sim, lembrando que a alteração será válida apenas para as próximas cobranças que forem geradas pelo link de pagamento.

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.