A importância de uma boa análise de concorrência no seu planejamento de negócios

análise de concorrência

No clássico “A Arte da Guerra”, Sun Tzu nos ensina que: “se você conhece o inimigo e conhece a si mesmo, não precisa temer o resultado de cem batalhas”. Pois o mesmo raciocínio utilizado nos campos de batalha pode ser extrapolado para o mundo dos negócios. Quando você compreende a concorrência e está ciente de seus movimentos, pode alterar suas estratégias e paradigmas para se posicionar alguns passos à frente. Estar de olhos abertos ao mercado, especialmente hoje em dia, em que tudo muda tão facilmente, pode ser um diferencial indispensável para seu empreendimento. Quer descobrir a importância de uma boa análise de concorrência no seu planejamento de negócios? Confira agora neste post:

Identifique-se

Antes de mais nada, é preciso saber ao certo quem concorre com você na corrida pelos clientes. Para isso, faça primeiro uma análise das suas próprias características — que tipo de produtos comercializa, qual o seu real porte, quais são seus locais de atuação e qual a sua capacidade de atender. Avalie se, com uma estrutura mais enxuta, seria possível se tornar mais eficiente e deixar a concorrência a ver navios. Não seja superficial, examine a fundo, pois um simples erro inicial pode alterar completamente a direção que será tomada. Depois de feito isso, compare com as outras empresas do ramo, buscando informações adicionais e se valendo não só de suas próprias observações, mas procurando também o respaldo de pesquisas de mercado.

Pesquise sempre

Agora que você já tem uma análise satisfatória do seu próprio negócio e suas nuances, chegou a hora de partir para a concorrência. As principais questões a serem pesquisadas podem variar de campo para campo, mas normalmente seguem um certo padrão. É necessário identificar os pontos fortes de sua concorrência para que você consiga dela se destacar e tornar-se mais competitivo. E isso inclui localização — esteja o mais perto do cliente possível ou, pelo menos, em área de fácil acesso —, preço — busque ser atrativo e fazer promoções, colocar o lucro como meta final e não inicial —, comunicação — esteja certo de que você chega até seu consumidor, e, acima de tudo, que ele pode chegar até você —, produtos e serviços de alta qualidade — de nada adianta estar bem em todo o resto se o que você oferece não é correspondente na qualidade — e atendimento personalizado — é mais uma oportunidade de agradar o cliente e fidelizá-lo.

Esteja em movimento

Se você é daqueles que pensam que só empresas iniciantes ou startups devem apostar em conhecer a concorrência, está redondamente enganado. Todo empreendimento precisa estar ligado no mercado e conhecer com quem compete. Para se manter vivo em um mundo tão mutável, é preciso estar em movimento. Ficar estático é pedir para desaparecer. Tenha à mão tantas informações quanto forem possíveis sobre si mesmo e compreenda como a concorrência opera no mercado para, então, superá-la. Só se diferencia a empresa que sabe precisamente como o adversário atua.

Hora então de debruçar-se sobre dados, notas e pesquisas para deixar seus competidores comendo poeira! E nos conte aqui depois como essa análise foi importante para o seu negócio!

banner-rodape-post-blog

Gerar boleto

Esteja sempre bem informado sem pagar nada!

Cadastre-se e receba um e-mail semanal com as últimas novidades do blog.