Terceirizar ou não a contabilidade do seu negócio?

Depositphotos_15543779_s

Quando se fala em terceirizar um serviço, primeiramente se pensa na geração de economia para a empresa. Só depois é que vem a preocupação com a produtividade e se essa realmente é a solução correta para o empreendimento. No Brasil, a maioria das empresas, lotadas em diferentes setores, contam com algum tipo de serviço terceirizado. Entre as vantagens apontadas por grande parte dos empresários está a facilidade em se ter uma pessoa especializada responsável por determinado trabalho, além também da redução dos custos com a folha de pagamento. A estratégia geralmente é adotada quando o volume de serviço está entre médio e alto ou quando há uma necessidade de padronização de processos — como, por exemplo, nas áreas de finanças, tecnologia da informação e também de recursos humanos.

Embora seja realmente uma boa alternativa, ainda há dúvidas com relação à contratação ou não de uma empresa para cuidar da contabilidade de outra. Deve-se ou não terceirizar esse serviço?

Terceirização ou capacitação

Cada empresa tem suas particularidades. No caso de uma indústria, por exemplo, que tenha um grande faturamento anual, é preciso tomar uma série de cuidados com notas fiscais, pagamento de impostos sobre serviços e produção. Todos esses processos a tornam mais complexa, e, por isso, facilitaria muito ter uma equipe exclusiva para esse tipo de serviço dentro da empresa. Porém, se essa equipe é montada e acaba não atendendo às expectativas, deve-se avaliar se é mais vantajoso investir em treinamento e capacitação ou contratar uma empresa externa para desempenhar a função.

Benefícios para pequenas empresas

Uma importante característica inerente a uma empresa pequena é o pequeno — se comparado, por exemplo, às multinacionais — fluxo de serviços de contabilidade. Quando o volume de trabalho é mais baixo, a terceirização do serviço pode ser uma boa opção, ajudando, inclusive, no melhor aproveitamento do espaço físico da empresa.

Custos mais baixos

Cada funcionário gera, obviamente, custos para a folha de pagamento da empresa. Quando o empresário coloca esses gastos no papel e calcula quanto esse funcionário custa ao ano, pode acabar tomando um susto. Dependendo do perfil do colaborador — sua especialização e, também, seu tempo de empresa — pode-se chegar à conclusão de que é mais barato contratar uma empresa especializada.

Confiança na empresa contratada

Deixar todas as informações financeiras do seu negócio nas mãos de outra empresa não é mesmo uma tarefa fácil. Por isso, antes de se decidir pela contratação, você deve observar alguns quesitos, como a posição em que ela se encontra no mercado, se seus funcionários são qualificados e como é a avaliação de outros clientes por ela atendidos. E não se esqueça de exigir um termo de confidencialidade, garantindo que, se alguma informação for divulgada sem sua devida autorização, o responsável terá que responder pelo vazamento.

Burocracia excessiva

Um ponto negativo da terceirização dos serviços de contabilidade é a demora para se conseguir um documento ou uma declaração de última hora. Muitas vezes surgem imprevistos que demandam a obtenção de informações em um curto espaço de tempo, e quando a empresa responsável por agilizar esse procedimento é externa ao negócio, normalmente se precisa de um tempo maior para a recuperação dessas informações, atravancando um pouco o processo.

Agora que já sabe mais sobre as vantagens e desvantagens de terceirizar seu serviço de contabilidade, conte para nós: o que decidiu? Divida conosco sua experiência! Comente!

 

Gerar boleto

Esteja sempre bem informado sem pagar nada!

Cadastre-se e receba um e-mail semanal com as últimas novidades do blog.