História do empreendedorismo no Brasil: dicas para empreendedores

por Gestão de Negócios

Publicado em 10 de outubro, 2016 | Atualizado em 13 de maio, 2024

Ser empreendedor no Brasil é entender que existem diversos desafios diários que poderão impactar diretamente na saúde e estabilidade do negócio

Nesta jornada de ter a sua própria empresa, é importante ser persistente e estar disposto a procurar soluções alternativas, buscando o destaque no mercado.

Para te ajudar nesta tarefa, vamos te contar a história do empreendedorismo no Brasil e apresentar algumas dicas para começar o seu negócio. Acompanhe!

Qual é a história do empreendedorismo no Brasil?

A história do empreendedorismo iniciou-se no período colonial. Desde então, o mundo dos negócios passou por diversas mudanças e transformações até chegar nos dias de hoje. Resumidamente, a história do empreendedorismo passou por:

Período Colonial (1500-1822):

Durante a colonização portuguesa, a economia brasileira era baseada na exploração de recursos naturais, como pau-brasil e açúcar. Neste período, o empreendedorismo estava relacionado principalmente à agricultura e à exploração mineral.

Império (1822-1889):

Com a independência do Brasil, houve um aumento na produção de café, que se tornou o principal produto de exportação do país. 

Neste caso, o empreendedorismo estava totalmente ligado à produção e comércio do café, bem como ao desenvolvimento de infraestrutura para transporte e exportação.

República Velha (1889-1930):

Durante esse período, houve um grande crescimento da indústria, principalmente nas regiões sul e sudeste do Brasil. 

Empreendedores como Barão de Mauá tiveram papéis importantes nesse desenvolvimento. Sua principal contribuição foi investindo em indústrias têxteis, construção de ferrovias e outras infraestruturas.

Suas iniciativas não apenas impulsionaram a economia nacional, mas também estabeleceram as bases para o crescimento industrial.

Era Vargas e Industrialização (1930-1950):

Durante o governo de Getúlio Vargas, o Brasil passou por um processo de industrialização, impulsionado pela criação de estatais e políticas de substituição de importações. 

Isso resultou no surgimento de grandes grupos industriais em setores como siderurgia, energia e mineração, tendo impactos duradouros no desenvolvimento do país.

Ditadura Militar e Abertura Econômica (1964-1985):

Durante esse período, o governo implementou políticas de desenvolvimento, que incluíam a abertura para investimentos estrangeiros e a promoção da industrialização. 

Isso resultou no surgimento de grandes conglomerados empresariais em setores-chave da economia, como o automobilístico e petroquímico. 

Atualidade (1990 até os dias atuais):

Nas últimas décadas, o empreendedorismo no Brasil foi catalisado pelo surgimento e crescimento de startups e empresas inovadoras, especialmente no setor de tecnologia

Contudo, o país ainda enfrenta desafios significativos, incluindo burocracia excessiva, instabilidade econômica e a falta de acesso ao financiamento para empreendedores

Apesar desses obstáculos, o cenário empreendedor continua a evoluir, impulsionado pelo talento e pela criatividade dos brasileiros.

Vale a pena empreender no Brasil?

Para inspirar a sua veia empreendedora, vamos navegar um pouco na história de empreendedorismo do Asaas!

Em 2010, os irmãos Piero e Diego começaram a idealizar o projeto do Asaas ainda dentro da Informant, uma fábrica de software da qual foram fundadores e sócios.

Nessa época, o processo de cobrar clientes era muito trabalhoso. Percebendo essa necessidade do mercado, os irmãos desenvolveram o Asaas, solução focada em otimizar os processos financeiros empresariais.

Ao longo da sua jornada, o Asaas conseguiu receber diversos investimentos. Isso ajudou na expansão de produtos oferecidos, como o Code Money, Base ERP e, recentemente, a NexInvoice

Certificações do Asaas

Em 2021, a instituição recebeu a regulamentação com código bancário, dado pelo Bacen. Com isso, o Asaas passou a dispor de um código bancário, o 461, validando as operações feitas pela empresa e aumentando a lista de soluções oferecidas pela fintech.

Já em 2022, o Asaas recebeu do Banco Central a licença para atuar como sociedade de crédito direto (SCD). 

Com essas certificações, o Asaas pode oferecer os principais meios de pagamento, sendo cada vez mais presente na rotina financeira das empresas. 

A imagem mostra a linha do tempo dos produtos e investimentos do Asaas.

Quais os tipos de empreendedor?

Você sabe quais são os principais tipos de empreendedores? Cada um deles tem características específicas. Para te ajudar a entender melhor o assunto, separamos os principais perfis de empreendedores que você precisa conhecer. Veja:

Empreendedor Individual

Pessoas que almejam ter o próprio negócio caracterizam o tipo individual de empreendedorismo. O empreendedor ou empresário individual é totalmente responsável pela sua própria empresa. 

A principal diferença entre EI (Empreendedor Individual) e MEI (Microempreendedor Individual) está no faturamento anual

O EI pode ter faturamento de R$ 360 mil se for microempresa ou R$ 4,8 bilhões caso seja uma empresa de pequeno porte, enquanto o MEI pode faturar até R$81 mil por ano.

Empreendedor Corporativo

Nesse caso, há um grupo de pessoas que administram uma empresa ou organização. A base financeira desse tipo de empreendedorismo está nas mensalidades pagas pelos associados, utilizado para aprimorar a produtividade de todos os membros da equipe.

Empreendedor Digital

Quando um negócio possui somente espaços virtuais e não físicos, é um exemplo de empreendedorismo digital. Uma das vantagens dessa forma está na praticidade de poder trabalhar de casa.

São exemplos desse tipo de negócio: a venda de e-books, cursos online, aplicativos e outros serviços online.

Empreendedor Social

Esse tipo de empreendedorismo tem foco em técnicas de gestão para melhorar outras empresas. É um cuidado oferecido aos funcionários de empresas, visando um ambiente profissional pacífico e sustentável. 

Questões sociais, econômicas e ambientais são tratadas no empreendedorismo social, para elevar a reputação de empresas.

Empreendedor Franqueado

Esse é um dos tipos mais comuns de empreendedorismo. Acontece quando um proprietário, chamado de franqueador, vende os direitos de uso da marca de uma empresa para o franqueado. 

Dessa forma, há a possibilidade de começar um negócio que já tem uma marca conhecida no mercado, facilitando reconhecimento de clientes e crescimento de vendas.

O que considerar na hora de empreender?

Começar um novo negócio pode ser uma tarefa desafiadora. Desde o momento de identificar a oportunidade, pesquisar o mercado e encontrar o melhor modelo de negócios

Tudo isso é essencial para definir o sucesso do novo empreendimento, bem como vencer os desafios que se apresentam diariamente. Por isso, veja o que considerar na hora de abrir um negócio:

1. Identifique as oportunidades 

Procure identificar oportunidades de negócio que estejam alinhadas com seus interesses, habilidades e o mercado atual.

Realize uma análise detalhada do mercado para entender a demanda, concorrência, tendências e necessidades dos consumidores.

2. Defina seu modelo de negócio

Defina um modelo de negócio claro e viável, que descreva como sua empresa vai gerar receita e entregar valor aos clientes. 

Isso será importante para compreender qual o papel da sua empresa no mercado e, assim, criar estratégias que sejam realmente eficazes, trazendo cada vez mais resultados.

3. Tenha um planejamento financeiro

Elabore um plano financeiro detalhado, incluindo projeções de receitas, despesas, investimentos necessários e fluxo de caixa.

Esteja ciente das exigências legais e regulatórias para o seu tipo de negócio, como registro da empresa, licenças e tributação.

Para facilitar essa tarefa, você pode contar com um sistema financeiro eficiente, que ofereça soluções completas para empresas, assim como o Asaas. Por meio desta plataforma, você poderá fazer toda a gestão das finanças empresariais em um único lugar. 

4. Equipe e Parcerias

Construa uma equipe competente e alinhada com a visão do seu negócio. Considere também parcerias estratégicas que possam agregar valor ao seu empreendimento.

Nesse aspecto, é importante desenvolver uma equipe de marketing estratégica, que promova seus produtos e alcance seu público-alvo de forma eficaz.

Lembre-se que é essencial ter um bom planejamento de estratégias de vendas e relacionamento com clientes, para garantir a fidelização dos consumidores.

5. Inovação e Adaptação 

O mercado passa por diversas mudanças ao longo do tempo. Por isso, esteja pronto para adaptar seu negócio conforme necessário para atender às demandas dos clientes e do ambiente empresarial.

Isso mostrará aos clientes que sua empresa está disposta a solucionar quaisquer problemas, garantindo vantagem competitiva em meio aos concorrentes.

Como empreender do zero?

Começar a empreender do zero pode ser uma tarefa difícil e trabalhosa. Porém, com muito esforço, dedicação, conhecimento e planejamento, você pode alcançar grandes objetivos.

Para te ajudar a começar o seu negócio, reunimos as melhores dicas sobre empreendedorismo, trazidas pelos diretores do Asaas. Veja abaixo:

Entenda o problema do seu cliente

Busque compreender a real dor do cliente. Ao conhecer o público-alvo e a sua jornada de compra, você conseguirá oferecer soluções eficazes aos consumidores, ganhando cada vez mais destaque no mercado.

Para o CEO do Asaas, Diego Contezini, uma das maiores dicas para o sucesso de um administrador é:

Seja fanático por entender a real dor do cliente e faça de tudo para resolvê-la” 

Seja um bom administrador

Ser um bom administrador é a chave para que o seu negócio dê certo. Para gerir uma empresa de forma eficiente, é preciso contar com colaboradores capacitados, que tenham atitude para encarar os desafios diários

Assim como diz o gerente de crédito de recuperação do Asaas, Eber Almeida:

“Administrar em boa parte do tempo é fazer coisas por meio de pessoas. Ao contratar seus colaboradores, sempre olhe para a atitude, pois: capacidade se adquire, habilidade se treina, mas a atitude para enfrentar os problemas vem da pessoa

Confie em você

Para que o seu negócio tenha sucesso, é preciso ter autoconfiança e determinação. Ouça as opiniões de outras pessoas, porém, saiba selecionar aquelas que realmente irão agregar no empreendimento.

Afinal, assim como fala o CRO do Asaas, Junior Beltrão:

“Na jornada empreendedora é comum surgirem vários desafios, tanto internos quanto externos. Porém, tentar se agradável com todos é uma verdadeira perda de tempo e desvio de foco

Tome decisões bem informadas

Obter dados é uma parte importante para a tomada de decisões da empresa. Por meio desta tarefa, você entenderá de fato quais estratégias estão funcionando, o nível de satisfação do seu cliente e ficará por dentro das novas demandas que surgirem.

Para o diretor de vendas do Asaas, Marcelo Vital:

Concentre-se em construir processos de vendas escaláveis e orientados por dados desde o início. A escuta ativa, processos bem definidos e dados informados são a chave para oferecer soluções que vão vender, obtendo um crescimento sustentável”

Pense fora da caixa

Para obter sucesso e marcar na história do empreendedorismo, é importante pensar fora da caixa, visando agregar cada vez mais inovação no mercado. Dessa forma, seu negócio será único, ganhando destaque e reconhecimento em meios aos concorrentes.

O VP de engenharia do Asaas, Rodrigo Miguel, acredita que:

Empreender na carreira envolve cultivar uma mentalidade orientada para a inovação, a proatividade e a tomada de iniciativa dentro de qualquer ambiente”

Abra uma conta digital para empresas

O Asaas é uma conta PJ completa, que oferece muitas vantagens para sua empresa. Com todas essas soluções, você pode gerenciar melhor seus clientes, aumentar sua taxa de conversão e tornar todo o processo de venda mais eficiente.

Com o Asaas você pode oferecer os principais meios de pagamento para seus clientes, emissão de nota fiscal, antecipação de recebíveis e outras ferramentas financeiras.

Se você ficou interessado em ter uma plataforma financeira facilitadora, abra sua conta no Asaas e impulsione o seu negócio agora mesmo!

Simplifique o recebimento de cobranças com o Asaas

3 Comentários

  1. Lucas Lopes

    Ótimo texto!!

    Responder
  2. Lucia de Fátima

    Amei o texto, muito objetivo.

    Responder
    • Redação Asaas

      Agradecemos o feedback!

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.