O que são os negócios sociais? Quais as vantagens para o empreendedor?

negócios sociais

Você sabe o que os negócios sociais? E mais: quais são as suas vantagens? O nome pode lhe parecer um pouco genérico, mas esta tem sido uma categoria em franca expansão no mercado brasileiro. A categoria de negócios de cunho social desenvolveu-se recentemente por diversos motivos. Veja a resposta para essas e outras questões a seguir:

O que são negócios sociais?

De forma simplificada, um negócio social é aquele que tem como propósito a resolução de uma demanda ou de um problema social. Mas quais problemas? Entre outros, a marginalização social, a dificuldade na geração de renda em pequenos e incipientes mercados, etc. Seu objetivo ou missão é a solução para determinado dilema social ou ambiental.

Como eles se desenvolvem?

Esse tipo de negócio tem sua atuação voltada para diversas atividades: desde a geração de renda por meio de estratégias mercadológicas e de comércio, até a intervenção econômica para fins de análise e propositura de mudanças setoriais.

É possível conciliar lucro e preocupação social? Lucro e ambientalismo?

Sim! E esses conceitos estão cada vez mais próximos! As mudanças de paradigma que nossa sociedade vem empreendendo atualmente forçaram modelos empresariais a se adequar às novas demandas do mercado, como a responsabilidade social e ambiental. Dessa maneira, as empresas sociais vem transformando objetivos sociais e ambientais em missões empresariais.

Quais são os ramos envolvidos nessas atividades?

As principais áreas envolvidas nos negócios sociais são as que dizem respeito à educação, saúde, tecnologia e nutrição. Por exemplo, um negócio que possibilite a educação à distância para indivíduos de uma região isolada ou de difícil acesso no país, pode ser considerado um negócio com fins sociais. Seu propósito é especialmente relevante para os fins aos quais ele se destina e a manutenção de seu funcionamento é considerada como interesse público, devido a sua relevância local e regional.

O que mais é diferente?

Alguns negócios sociais vão além da observação de propósitos de interesse público, envolvendo a comunidade na gestão e na participação dos lucros gerados por meio daquela atividade específica. Quanto maior a porcentagem de lucro reinvestida nessas empresas e compartilhada entre membros efetivos das comunidades na qual elas atuam, maiores serão os benefícios em termos de distribuição de renda, desconcentração econômica e circulação regional de capitais.

Quais são os principais eixos que guiam os negócios sociais?

São vários, mas os principais aspectos a serem considerados reduzem-se a: venda de produtos ou serviços que beneficiam populações menos favorecidas financeiramente; inovação; sustentabilidade operacional da empresa (ela consegue, por meio dos negócios, cobrir seus custos e ainda gerar rendimentos); eficiência; e compromisso com a elevação do padrão de vida das pessoas envolvidas com a empresa.

Por serem extremamente inclusivos e acessíveis, os produtos e serviços decorrentes de negócios sociais e ambientais acarretam desenvolvimento social, principalmente em relação a aspectos básicos, decorrentes da geração mínima de renda. A partir da economia dessas empresas, comunidades locais são capazes de gerar rendimentos e, consequentemente, ter acesso a necessidades básicas em termos de habitação, saúde e alimentação.

O que mais te chamou a atenção sobre os negócios sociais? Tem alguma dúvida ou sugestão? Compartilhe com a gente deixando um comentário!

banner-rodape-post-blog

 

Gerar boleto

Esteja sempre bem informado sem pagar nada!

Cadastre-se e receba um e-mail semanal com as últimas novidades do blog.