Consultoria empresarial: descubra os tipos e quando acioná-las

Consultoria

Ter um empreendimento sempre envolve riscos, já que você investe recursos e não tem total certeza de que seu negócio trará o retorno esperado. Além de persistência, organização e paciência, é necessário ter os conhecimentos exigidos pela área escolhida, para ser capaz de vencer os empecilhos do caminho.

Existem formas de minimizar esses riscos e até de anulá-los, como ter um bom planejamento e tomar decisões acertadas desde o início do seu empreendimento. Além disso, a busca por conhecimentos atualizados e relevantes para a sua área deve ser constante. Para isso, as consultorias são uma excelente pedida. Veja abaixo os principais tipos de consultorias e por que acioná-las.

Consultorias em áreas de dificuldade

Muitos empreendedores têm amplo conhecimento do seu produto ou serviço, mas não do mercado e de como aproveitá-lo. Assim, abrem seus negócios sem um bom amparo administrativo nessas áreas e acabam tendo de fechá-los logo nos primeiros anos.

Para que isso não aconteça com você, identifique em qual área você tem mais dificuldades e procure uma consultoria adequada, seja ela em gestão, administração, conhecimento de mercado, entre outras. Esses serviços oferecem todo o amparo que você necessita para não cometer erros que levem seu negócio ao fracasso.

Consultoria contábil

Esse serviço contribui muito para a boa saúde financeira do seu empreendimento. Um contador tem a formação e a atualização necessária para conhecer a legislação fiscal e analisar todo o seu fluxo de caixa — ou a previsão dele, caso seu empreendimento ainda seja um projeto. A consultoria, portanto, auxiliará no planejamento da sua empresa, identificando todos os encargos necessários conforme a lei, apresentando formas de economizar e observando os procedimentos na Junta Comercial, Receita Federal, estado e prefeitura, conforme o tipo de empreendimento.

Dessa forma, você se protege de multas por não estar em dia com impostos e, ao mesmo tempo, diminui os riscos econômicos, já que conhece todas as saídas de recursos financeiros que precisarão ser feitas. Além disso, a gestão do seu empreendimento é facilitada, pois você tem acesso claro aos fluxos de caixa, às contas a pagar e a receber, aos custos e até a simulações de preços.

Consultoria jurídica

A consultoria jurídica dá segurança legal ao seu empreendimento. Existem inúmeras leis e eventualmente alterações nas leis que influenciam o seu negócio diretamente. Cabe ao consultor desse ramo conhecer bem a legislação, especialmente Direito Comercial, Trabalhista e Tributário. Ele saberá enquadrar seu negócio no tipo de atividade que melhor atende a sua necessidade, com a menor carga tributária. Também auxiliará na elaboração do contrato social, verificando todas as cláusulas a fim de proteger o seu empreendimento. Assim, você previne possíveis penalidades legais, que possam interromper ou prejudicar o seu negócio mais adiante.

Além disso, a consultoria jurídica também é essencial para a análise dos seus serviços e até do seu site. Cada tela precisa ser verificada, incluindo os contratos apresentados, que firmam prazos e formas de rescisão. O consultor jurídico pode revisar os contratos e outros documentos disponibilizados aos clientes, além de revisar as políticas de privacidade do site, termos e condições de uso, previsão de troca de produtos e cancelamento de compras.

Você também pode utilizar o consultor jurídico para analisar os seus contratos com fornecedores e parceiros, a fim de que nenhuma cláusula abusiva ou que gere encargos desnecessários permaneça válida.

Tem dúvida em alguma área do seu empreendimento? Então, siga as nossas dicas e não espere para contatar uma consultoria! Ainda tem alguma dúvida? Deixe um comentário!

banner_rodape

Gerar boleto

Esteja sempre bem informado sem pagar nada!

Cadastre-se e receba um e-mail semanal com as últimas novidades do blog.