Por que a gestão da cobrança recorrente é tão difícil em contratos mensais?

cobrança recorrente.Quem conhece a rotina de uma startup ou de uma microempresa, sabe que a quantidade de trabalho é sempre muito alta. Os empreendedores precisam desempenhar diversas funções na fase inicial do negócio para que seja possível estruturar a companhia. Contudo, algumas tarefas podem consumir um tempo muito precioso, além de serem extremamente burocráticas. Gerir a cobrança de assinaturas mensais dos seus clientes é uma tarefa desse tipo. Vamos entender o por quê?

Há diversos tipos de contratos

Muitas empresas empacotam os serviços prestados em planos diferentes. O tipo mais comum de divisão adotado é aquele que categoriza os serviços em planos progressivos, de acordo com a quantidade de recursos contratados. O usuário começa com o Basic. Se ele gostar do serviço, ou precisar de mais recursos, poderá contratar o Professional. E depois ainda tem a um plano completo, muitas vezes chamado de Advanced.

Além disso, há empresas que colocam pacotes específicos para contratação individual. Por exemplo, um usuário do plano Basic que precisa de somente um recurso do plano Advanced pode optar por não fazer o upgrade de plano. Para não perder essa receita, é interessante oferecer esse único recurso como um adicional ao plano que ele já contratou.

Essas possibilidades de contratação são ótimas para os clientes e também para o seu negócio, mas já pensou como esse cenário pode se tornar complexo na medida em que mais clientes aderirem ao sistema?

Os clientes alteram os planos

A boa gestão da sua base de clientes pode ser um diferencial do seu negócio. Um sistema que oferece diversos tipos de planos, mas erra na cobrança e na disponibilização dos serviços, estará fadado ao fracasso. Por isso é preciso dar uma atenção especial nessa tarefa.

Além de contemplar os diversos tipos de contratos, o sistema de gestão deve ser capaz de gerenciar a mudança nesses contratos. Afinal de contas, todos os meses sua base de clientes será movimentada. Há novos clientes entrando, velhos saindo, usuários de planos contratando recursos extras, outros fazendo upgrade ou até mesmo downgrade.

Acompanhar essa movimentação mensal em uma base com muitos clientes pode ser um trabalho bem cansativo.

Nem todos os clientes pagam em dia

A inadimplência é um fator delicado e que pode complicar ainda mais esse cenário. O atraso no pagamento pode impactar diretamente nos resultados de sua companhia. Por isso, é preciso identificar os inadimplentes e monitorar constantemente essa taxa.

Muitas vezes os atrasos estão relacionados ao esquecimento. Um simples e-mail automático com um lembrete pode resolver o problema. Contudo, há os que não possuem mais recursos para continuar pagando pelo seu serviço. Para esses casos é importante oferecer alternativas para ele quitar a dívida e continuar com o contrato. Ao reter esse cliente, você estará criando mais uma variável dentro do seu sistema de gestão de cobrança. O que já era complicado, se torna ainda mais complexo.

Falta tempo para se dedicar à gestão do negócio

Gerir uma base de clientes em crescimento, que é o caso da maioria das empresas de pequeno porte, pode se tornar um trabalho gigantesco. As equipes reduzidas desse tipo de companhia não podem se dar ao luxo de perderem muito tempo com uma tarefa, deixando outras questões estratégicas sem a devida atenção.

Um software de gerenciamento de assinaturas consegue resolver grande parte da burocracia que envolve a gestão de uma base de clientes mensais. Desse modo, o empreendedor poderá dedicar mais tempo à gestão do negócio.

A gestão da cobrança recorrente dos planos oferecidos por sua empresa é uma tarefa difícil se você não conhecer as formas eficientes para administrá-la. Cabe ao empreendendor se organizar e utilizar ferramentas que facilitem o processo, como um software de gerenciamento das cobranças.

banner_rodape

Gerar boleto

Esteja sempre bem informado sem pagar nada!

Cadastre-se e receba um e-mail semanal com as últimas novidades do blog.