Os prós e contras de abrir uma franquia

Os prós e contras de abrir uma franquia

 

Abrir uma franquia tem sido a opção de muitos novos empreendedores, afinal, o modelo de negócio já está pronto, os fornecedores já estão devidamente selecionados e a marca já está consolidada no mercado. Contudo, mesmo parecendo bem mais simples e garantido do que abrir um negócio próprio completamente do zero, ter uma microfranquia também tem suas desvantagens! E foi pensando tanto nos prós como nos contras que resolvemos criar este post. Então tire agora mesmo todas as suas dúvidas sobre as vantagens e as desvantagens em se abrir uma franquia, faça sua tabela de pontos positivos e negativos e tire suas próprias conclusões! Confira:

Os prós: começando pela parte boa de abrir uma microfranquia

Estrutura física reduzida

Uma das vantagens de abrir uma microfranquia é que, como sua estrutura física é reduzida, não é preciso se preocupar demais com padronizações, afinal, vem tudo praticamente pronto da franqueadora. Sem contar que muitas pessoas conseguem abrir uma franquia em sua própria casa, o que reduz significativamente os custos de implantação e manutenção do negócio.

Orçamento de marketing dividido

O investimento em marketing é um dos maiores gastos quando se tem um negócio próprio, não é mesmo? Mas se você opta por abrir uma franquia, esses custos serão divididos com todos os demais franqueados. Consegue imaginar como suas despesas de divulgação diminuirão?

Investimento inicial acessível

Outro ponto a favor de uma microfranquia é seu investimento inicial, que é bem mais acessível. Hoje em dia já é possível contar com opções de franquias a partir de menos de 3 mil reais! Assim praticamente qualquer pessoa, com um pouco de esforço e dedicação, pode acabar se tornando um empreendedor de sucesso.

Ajuda na estruturação do negócio

Para muitos empreendedores que não possuem um embasamento de gestão, abrir uma franquia pode ser uma ótima opção, já que receberá um ótimo apoio administrativo por parte da empresa franqueadora. Além de ser possível participar de treinamentos constantes, também se conta com o suporte de consultores de campo para manter tudo na linha.

Os contras: por que abrir uma franquia pode não ser a melhor opção

Menor autonomia para inovar

Se você é daquele tipo extremamente criativo, que terá mil e uma ideias para ver seu negócio bombar, abrir uma franquia pode deixá-lo um pouco frustrado. Como você deve manter os mesmos padrões da franqueadora, não pode mudar cores, criar materiais adicionais para o marketing, fazer um site ou hotsite ou mudar qualquer coisa que impacte diretamente na marca.

Dificuldades para seguir a cartilha

Toda microfranquia tem seus processos muito bem desenhados, além de padrões de qualidade e atendimento que devem ser cumpridos à risca, sob pena de perder seu investimento. Sendo assim, pesquise bastante antes de abrir uma franquia que não tenha nada a ver com você, já que possuir afinidade com o negócio é extremamente importante.

Taxa de franquia

Se tudo parecer ser ótimo, um item que pode vir a pesar bastante na hora de abrir uma franquia é a taxa de franquia, que deve ser paga tanto logo no início do contrato como sobre os lucros do empreendimento ao longo do tempo.

Risco do negócio

Como todo negócio apresenta riscos, com uma microfranquia não seria diferente. Se você opta por esse modelo, assume os riscos juntamente com a franqueadora e os demais franqueados, ou seja, se o mercado vai mal, todos podem sofrer as consequências sem muito poder de ação.

E então, depois de saber de tudo isso, qual é a sua opinião? Vale a pena abrir uma franquia ou não? Deixe seu comentário e compartilhe suas impressões conosco!

 

Gerar boleto

Esteja sempre bem informado sem pagar nada!

Cadastre-se e receba um e-mail semanal com as últimas novidades do blog.