Freelancer: 7 vantagens de contratar este tipo de profissional

Man in home office on telephone using computer and smiling

Freelancer é uma expressão em inglês que se refere ao profissional autônomo que, em caráter eventual e sem vinculação empregatícia, cumpre trabalhos ou projetos para clientes — pessoas físicas ou jurídicas. As áreas de atuação são as mais variadas possíveis, indo desde os mercados artísticos, jornalísticos e de design, até os arquitetônicos e de obras em geral. Mas o que é mais conveniente para sua empresa: contratar uma firma ou agência especializada para realizar o serviço de que precisa, ou contratar um profissional freelancer? Descubra agora algumas vantagens de fechar projetos ou contratar tarefas com profissionais autônomos dessa espécie e tenha mais conhecimento para a hora de decidir o que fazer!

Flexibilidade de horários

Como esse profissional não tem vinculação de emprego e trabalha de forma independente, é comum que apresente horários mais flexíveis, o que permite que ofereça uma dedicação bem diferenciada e exclusiva ao projeto para o qual foi contratado, podendo, por exemplo, dar conta de pedidos em prazos mais curtos.

Contato direto e facilitado

Contratando freelancers, será viável desenvolver os projetos de maneira mais franca e direta com quem está à frente da execução dos serviços, podendo encontrá-los, inclusive, fora do horário comercial e até aos finais de semana, dependendo da situação. Esse contato permanente possibilita acompanhar mais de perto o bom andamento do que vem sendo realizado e discutir alterações de programa na medida em que aparecem.

Diminuição de custos

Na maioria das vezes, o profissional autônomo trabalha em sua própria residência, a não ser que o serviço tenha uma demanda muito característica para que o contratado precise visitar locais determinados ou prestar sua atuação nas instalações da empresa. Como não possui maiores gastos com funcionários e despesas administrativas, provavelmente cobrará mais barato do que uma firma ou empresa que faça o mesmo tipo de serviço.

Maior especialização

Quem é freelancer normalmente acaba se especializando em um nicho do mercado ou em poucas atividades mais específicas, o que significa dizer que seu trabalho terá muito mais chances de ser altamente qualificado para a demanda corporativa.

Mais liberdade nas formas de pagamento

O autônomo é mais flexível também para negociar como vai receber pelos seus serviços, sem se comprometer com regras mais rígidas que agências e firmas costumam ditar. O freelancer vai estipular o preço de seu trabalho, mas poderá, por exemplo, receber parte da remuneração no início de sua prestação e o restante ao final. É tudo uma questão de acordo.

Maior atenção aos prazos

Os freelancers são orientados por tarefas e projetos, de modo que seguem uma disciplina pessoal para cumprir o serviço no tempo determinado. Nesse sentido, ele busca cumprir os prazos à risca, não só para ter um bom nome no mercado, mas para abrir espaço para pegar novos projetos.

Controle de recursos

O acerto a ser feito com o profissional autônomo se dá por projeto contratado, o que permite que você saiba exatamente o quanto vai gastar naquele serviço, sem ter que arcar com novas parcelas ou com horas extras, por exemplo. Assim fica muito mais fácil planejar o fluxo de caixa da sua organização.

E então, já fez uso desse tipo de mão de obra para dar cabo de seus projetos? Conte para nós como foi sua experiência!

banner-rodape-post-blog

 

Gerar boleto

Esteja sempre bem informado sem pagar nada!

Cadastre-se e receba um e-mail semanal com as últimas novidades do blog.