Como vender com cartão de crédito pela internet de forma fácil

Por Marcelo Vital
Publicado em 19 de agosto, 2022 | Atualizado em 2 de setembro, 2022

O e-commerce brasileiro não para de crescer. Segundo relatório da Neotrust, em 2021 o mercado nacional bateu um recorde de mais de R$ 161 bilhões em faturamento, um crescimento de 26,9% em relação ao ano anterior.

Para 2021, a pesquisa apontou um aumento de 16% em pedidos online em relação ao ano anterior. O ticket médio também cresceu, chegando a R$ 455, uma melhora  de 8,6% em relação a 2020.

Em 2022 esses números tendem a melhorar. Cada vez mais, estar presente dentro do digital é fundamental para empresas grandes e pequenas, de todos os segmentos do mercado.

Com isso, é indispensável aprender a como vender com cartão de crédito pela internet, já que essa é uma das principais formas de cobranças e pagamentos no meio digital

Neste artigo, explicamos como funciona a venda com cartão de crédito online, além de esclarecer taxas, vantagens e desvantagens, pagamentos recorrentes e outras informações importantes para seu negócio. Confira!

Conteúdo

Vale a pena aceitar cartão de crédito?

Sim, existem diversas vantagens de vender através do cartão de crédito. Os cartões sempre foram uma solução para negócios presenciais, mas você também pode vender a distância com cartão de crédito.

No primeiro trimestre de 2022, o valor de transações de cartão de crédito cresceu 42% em relação ao período anterior, sendo o principal meio de pagamento nos negócios no Brasil, segundo relatório da Agência Brasil e da Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs).

Não ficam dúvidas da relevância do cartão de crédito no mundo pós-pandemia, em que percebemos mudanças no comportamento dos consumidores.

Vender ou não pelo cartão de crédito é uma decisão muito importante e pode impactar seu negócio profundamente. Por isso, precisa ser feita considerando diversos fatores.

Vantagens de vender com cartão de crédito

Uma das principais vantagens do cartão é a sua popularidade. Ao aceitar vender com cartão de crédito, sua carteira de clientes tende a aumentar consideravelmente, já que essa modalidade é muito popular no Brasil.

Confira outras vantagens de vender com cartão de crédito pela internet: 

Reduz a inadimplência

A venda no cartão de crédito dá mais garantia ao vendedor. Nessa modalidade, a operadora do cartão passa a ser responsável pela cobrança e o repasse dos valores para a empresa, diferente do que ocorre com outras modalidades, como no boleto bancário.

Facilita o pagamento para o cliente

Sendo um dos formatos mais populares de pagamento, o cartão de crédito já é comum para a maioria dos brasileiros. A logística do pagamento no cartão já é parte da rotina do seu cliente, o que torna fácil realizar seus pagamentos dentro da modalidade e a organizar suas contas.  

Oferece maior segurança nas transações

A maior parte das instituições de pagamento possuem sistemas de controle e segurança, como proteção antifraude. Elas também seguem normas do Banco Central, o que facilita a fiscalização e maior visibilidade das transações.

Possibilita vender mais e aumentar o ticket médio

Com a possibilidade de parcelamento, o cliente ganha mais poder de compra e autonomia. Essa opção torna sua vitrine virtual mais atraente e impulsiona o cliente a colocar mais itens no carrinho, incentivando a conversão..

Esse é um dos fatores que faz o ticket médio dos cartões de crédito superar os de cartões de débito e cartões pré-pagos. Em 2022, esse valor ficou em R$ 121, 35% a mais em comparação ao mesmo período de 2021.

Desvantagens de vender com cartão de crédito

Nem tudo são flores, existem alguns fatores negativos ao vender no cartão de crédito. Entre eles podemos citar as taxas, muito temidas por comerciantes e lojistas, além de despesas mensais e fraudes.

Porém, esses fatores precisam ser medidos, para entender o impacto no seu negócio. Confira outros aspectos negativos da venda no cartão de crédito:

Reduz a margem de lucro

O lucro é essencial para qualquer negócio, e quando o assunto são vendas no cartão, as operadoras tradicionais costumam cobrar taxas administrativas que variam entre 2% e 3,5%, podendo mudar conforme o número de parcelas. 

Isso implica numa redução da margem do que você recebe com cada pagamento. Porém, em fintechs, essas taxas costumam ser mais baixas. No Asaas,  por exemplo, a taxa é de 1,99% + R$ 0,49 por cobrança recebida nos primeiros 3 meses, e não tem cobrança de mensalidade.

Exige prazo para recebimento

Outra desvantagem de vender no cartão de crédito é o tempo entre a venda e o recebimento desse valor. Quando as transações ocorrem no débito, o prazo de repasse do dinheiro é de até 3 dias úteis. 

Já em compras pelo cartão de crédito, o prazo é de até trinta dias, sendo necessário um bom planejamento financeiro e um bom capital de giro.

Vale lembrar que é possível contornar esse problema, através da antecipação de recebíveis. Esse recurso, permite ao comerciante adiantar o recebimento do dinheiro ao invés de receber os valores fracionados.

Como funciona a venda no cartão de crédito?

Para aprender como vender com cartão de crédito pela internet, é preciso entender os processos que acontecem em uma fração de segundos no momento da venda.

Existem alguns agentes envolvidos durante todo esse procedimento, cada um desempenhando uma etapa importante: como a credenciadora, a bandeira do cartão, o banco emissor e o facilitador do pagamento.

Além disso, também existem diferentes modalidades de vendas que podem ser uma opção para seu negócio. Por isso, confira um pouco mais sobre cada uma delas:

Vendas pelo crédito à vista

Para o pagamento no crédito à vista, o cliente utiliza seu limite de cartão para realizar o pagamento em uma única parcela. 

Essa modalidade permite que o cliente realize o pagamento em um único momento, sem precisar se preocupar com parcelas, mas também sem precisar ter todo o dinheiro no momento da compra. 

Essa modalidade, porém, exige a liberação de maior limite de crédito por parte da operadora do cartão.

Vendas pelo crédito parcelado

O crédito parcelado é a modalidade de uso mais conhecida dos cartões de crédito. A cada mês, a empresa recebe o valor correspondente à parcela, descontadas as taxas de serviço. 

Essa função permite maior flexibilidade de pagamento ao cliente, mas torna o recebimento mais longo para a empresa. 

As taxas cobradas pela operadora também variam, conforme as parcelas, podendo ser pagas pela própria empresa ou pelo cliente, por meio de juros.

Vendas pelo crédito recorrente

Esse formato é uma ótima solução de vendas no cartão de crédito voltada ao segmento de serviços, como escolas, academias, empresas de software etc. 

No pagamento recorrente, os valores são sempre debitados na fatura do cliente, conforme determinado no ato de compra. Uma vez automatizada, essa solução facilita o processo de cobranças e dá mais agilidade na hora do pagamento.

Cada vez mais as plataformas de e-commerce estão adotando esse formato de cobrança, oferecendo descontos para pagamento por assinatura recorrente e garantindo a continuidade das vendas. 

Segundo uma previsão da consultoria Gartner, até 2023, 75% das empresas que atuam com vendas devem oferecer serviços com recorrência.

Quais são as formas de receber pagamento no cartão de crédito?

Existem diversas opções para esse tipo de operação, desde a maquininha ou até mesmo utilizar um link de pagamento para cartão de crédito para receber o pagamento online. 

O formato tradicional exige que tenha uma maquininha em seu ponto de venda, além de ser necessário contratar uma operadora que faça o intermédio entre seu estabelecimento, os bancos e as bandeiras do cartão. 

Também costumam existir taxas para implementação desse serviço e algumas limitações das operadoras, como transferir o dinheiro dos pagamentos apenas após 24 horas da transação.

Porém, existem outros formatos que podem ser interessantes para seu negócio, especialmente se seu objetivo é aumentar sua presença digital e abranger um público maior.

Venda no WhatsApp e redes sociais

Vender com cartão de crédito pelo Instagram, Facebook ou WhatsApp é uma realidade cada vez mais comum para a maioria das empresas. 

Essa praticidade permite diversificar sua lista de clientes, além de oferecer um serviço personalizado para diferentes tipos de vendas ou consumidores.

Para receber pagamentos por cartão de crédito online, seja pelo WhatsApp ou outra rede social, você pode utilizar um link de pagamento, permitindo que seu cliente opte pelo pagamento via cartão.

Link de pagamento parcelado

Com um link de pagamento você vende online sem precisar de um site. Ao compartilhar o link em seu canal de vendas, você possibilita que seu cliente pague com segurança e praticidade.

Ao gerar links para pagamento com cartão de crédito, você também pode disponibilizar uma opção de parcelamento para seus clientes, sem ficar limitado a uma cobrança à vista.

Na maioria das plataformas, como o Asaas, a emissão do link de pagamento é gratuita. 

As taxas são descontadas apenas após o pagamento da cobrança, seguindo os prazos e taxas já estabelecidos, seja para Pix, boleto ou cartão de crédito.

Venda no e-commerce

Outra opção é vender via e-commerce. Embora essa opção traga mais custos operacionais, já que é necessário possuir um domínio próprio ou pagar taxas em uma plataforma terceirizada, muitos clientes se sentem mais seguros ao realizar compras em um site formalizado.

Nessa opção, o cliente pode cadastrar o cartão de crédito e optar se deseja comprar à vista ou parcelado. Porém, dependendo da sua plataforma, pode ser necessário utilizar um gateway de pagamentos ou plug-ins:

Gateway de pagamento

O gateway de pagamentos é um sistema de pagamentos online que facilita a comunicação entre o consumidor, o banco e a operadora de cartão de crédito. Ele faz o mesmo trabalho da maquininha, porém dentro de um ambiente online. 

Utilizar o gateway facilita o gerenciamento das cobranças e otimiza o momento do pagamento, trazendo mais praticidade para todo o processo.

Sendo uma solução completa para seu negócio, o Asaas oferece o gateway de pagamentos entre suas funcionalidades. 

Com diversas possibilidades de integração, é possível  incorporar o gateway online para otimizar suas cobranças e pagamentos.

Plug-ins para e-commerce

Utilizar um plug-in em sua plataforma também pode ser uma opção menos custosa para seu negócio. Essa opção é menos burocrática e facilita a integração com o site da sua empresa, podendo ser mais prático do que utilizar um gateway dentro da sua plataforma.

O Assas possui plug-ins que tem compatibilidade com algumas das plataformas de e-commerce mais populares do mercado, como Magento, Woocommerce e NuvemShop.

Assim você consegue ter uma integração prática e rápida, evitando desperdiçar tempo com métodos complicados, focando nas vendas e otimizando seu negócio.

Venda de serviços de assinatura

Implementar um serviço de assinatura recorrente no seu negócio pode ser o diferencial para aumentar suas vendas. 

Esse tipo de serviço tem se tornado cada vez mais popular, conforme o cliente paga mensalmente para receber produtos ou serviços. 

Uma opção bastante eficiente para atrair clientes é oferecer descontos para essa modalidade, facilitando a conversão e fidelizando os clientes

A periodicidade da cobrança pode ser pré-definida no momento da compra e até mesmo sua renovação pode ser automática.

Sistema para cobrança recorrente

Para oferecer um serviço por assinatura, você precisa contar com uma plataforma com tecnologia que permita a cobrança por esse formato. 

Para garantir a maior automatização e praticidade possível, você precisa de uma plataforma de cobrança. Através desse sistema, a cobrança pode ser criada. Basta estipular o valor, as formas de pagamento, a periodicidade e o vencimento. 

A partir disso, o sistema automatiza o procedimento, enviando a cobrança para seu cliente.

Como vender com cartão de crédito pela internet?

Após entender como os cartões de crédito podem ser uma solução para seu negócio, você pode estar com dúvidas de como aplicar todos esses processos na sua empresa. 

Para te ajudar a entender melhor como você pode estruturar seu negócio online e implantar a venda via cartão de crédito dentro do seu e-commerce, confira esse guia rápido:

1. Escolha a plataforma de venda

Você precisa definir qual será seu canal principal de vendas. Seja via e-commerce, com uma plataforma utilizando gateways de pagamento ou um plug-in, ou mesmo nas redes sociais, utilizando links de pagamentos. 

Escolher um canal com cuidado permite que você personalize o atendimento com seu cliente e como você irá realizar as cobranças. 

Utilizar as redes sociais permite um contato maior com seu público e um atendimento personalizado. Já com uma loja virtual, você oferece uma experiência profissional em um ambiente que concentra diversas funcionalidades. 

2. Selecione a forma de cobrança

Definir a ferramenta correta para receber pagamentos pode ser a chave para aumentar os resultados do seu negócio, já que é através dela que seu cliente realiza o pagamento.

Entre as opções de ferramentas e modalidades, comentamos sobre os plug-ins intermediadores de pagamento, gateways, links de parcelamento, cobrança recorrente etc.

A plataforma que você escolher para vender vai definir também qual a forma de cobrança. Ao vender pelas redes sociais, por exemplo, você pode utilizar o link de pagamento.

Já a partir das lojas virtuais, você pode optar por utilizar um plug-in ou gateway de pagamento, que vão possibilitar diversas funcionalidades para seu negócio.

3. Considere experiência do seu cliente

Existem muitas plataformas disponíveis no mercado que podem ajudar seu negócio.  Porém, é importante considerar alguns fatores para escolher a plataforma certa.

O Asaas, por exemplo, é uma plataforma completa e intuitiva, que permite a integração com outros sistemas através de API. Além disso,  oferece as principais formas de pagamento, como Pix, boleto e cartão para que você tenha autonomia para vender.

Qual é o prazo de recebimento das vendas com cartão de crédito?

Em média, para pagamentos à vista via cartão de crédito, a empresa recebe o dinheiro das compras em 30 dias.

Já para compras parceladas no cartão, o recebimento desses valores vêm de forma fracionada, conforme o cliente paga suas parcelas. Por isso, é importante ter um bom planejamento financeiro ao oferecer essa modalidade. 

Mantenha um fluxo de caixa organizado e tenha o cadastro completo dos seus clientes, assim como a análise dos scores de crédito.

Como faço para antecipar pagamentos de cartão de crédito?

Uma das desvantagens de aceitar cartão de crédito online é receber os pagamentos de forma fracionada. Porém, existe um recurso que contorna esse problema e pode ser a solução ideal para seu negócio.

A “antecipação” ou “antecipação de recebíveis” é o recebimento adiantado de um pagamento que só seria recebido em uma data futura. Para isso, é necessário solicitar uma análise de crédito a uma plataforma de pagamentos que tenha essa função. 

Desse modo, é possível utilizar o dinheiro para quitar pagamentos pendentes ou redirecionar esses recursos para novos investimentos. Para realizar a antecipação, a empresa precisa ter pagamentos pendentes, seja no boleto ou no cartão de crédito.

Utilizando a antecipação de recebíveis, é possível conseguir o dinheiro sem depender do pagamento à vista pelo cliente ou realizar empréstimos.

Agora que você sabe como vender com cartão de crédito pela internet evitando complicações, descubra quais os diferenciais do Asaas!

Simplifique o recebimento de cobranças com o Asaas