Saiba como abrir conta MEI: aprenda o passo a passo

por Conta Digital

Publicado em 23 de novembro, 2015 | Atualizado em 29 de maio, 2024

Saber como abrir conta MEI em instituições financeiras é uma ação fundamental para garantir a saúde financeira e o desenvolvimento de qualquer negócio.

Por meio desta conta, é possível que o microempreendedor organize seus recebimentos, efetue pagamentos de despesas comerciais e, até mesmo, acompanhe o fluxo de caixa. Tudo isso de maneira simples e rápida.

Conforme a escolha da instituição de pagamentos, sua empresa pode acessar serviços financeiros adicionais, como antecipação de recebíveis ou linhas de crédito. Por isso, neste texto, vamos mostrar como abrir uma conta MEI e qual a melhor instituição para você!

Quais são as obrigações do MEI?

Se você é um microempreendedor individual (MEI), é essencial entender quais são as obrigações fiscais necessárias para manter seu negócio alinhado com a legislação

Além de ajudar a sua empresa a crescer de forma saudável, isso também acaba evitando problemas burocráticos e multas ao caixa. 

Pagamento mensal da DAS

O MEI está enquadrado no Simples Nacional e, portanto, deve pagar mensalmente o Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS). Ainda que o MEI não trabalhe naquele mês, o pagamento da DAS continua obrigatório.

Caso essa obrigação não seja cumprida, a empresa terá dívida ativa na União. Assim, o microempreendedor fica impedido de usufruir os benefícios da Previdência e, até mesmo, de fazer o cancelamento do título de MEI.

Envio da declaração de faturamento anual

Tal como o DAS, o MEI deve enviar a declaração de faturamento anual, mesmo que não tenha faturamento. Esse envio deve ser feito até o último dia de maio de cada ano. 

Para preencher e enviar a declaração, basta acessar o Portal do Empreendedor. Caso esse documento não seja entregue no prazo, o MEI fica sujeito a pagar multa de, pelo menos, 2% em cima do valor tributário, conforme registrado em declaração.

Obedecer ao limite de faturamento anual

Respeitar o limite de faturamento anual é uma das obrigações fundamentais para os microempreendedores individuais no Brasil. Atualmente, o limite de faturamento anual para um MEI é de R$81 mil.

Quando esse limite de faturamento anual é ultrapassado, o MEI deixa de ser elegível para o Simples Nacional, o que pode resultar em um aumento na carga tributária. Dessa forma, o MEI terá que pagar os impostos conforme as regras do regime tributário.

Vale lembrar que existe um projeto de lei que visa aumentar esse limite de faturamento para R$144 mil, mas ainda não foi aprovado.

MEI pode abrir conta PJ?

É altamente recomendável que o MEI tenha uma conta PJ, como a do Asaas, para gerenciar as finanças do negócio. Por meio da conta, o gestor consegue controlar melhor a movimentação financeira do negócio, mantendo a saúde do caixa estável.

Geralmente, esse tipo de conta agrega diversos produtos e serviços que auxiliam na gestão financeira da empresa, facilitando a vida do empreendedor. 

O que precisa para abrir conta MEI?

Abrir uma conta como Microempreendedor Individual (MEI) é um passo crucial para a gestão financeira eficiente de seu negócio. De forma, sua empresa pode aproveitar diversos serviços financeiros, facilitando suas operações financeiras de rotina. 

Por isso, busque conhecer a instituição financeira antes de abrir sua conta digital MEI. Assim, você saberá quais as regras para antecipar dinheiro, emitir boletos ou notas fiscais, taxas e juros que podem ser aplicados, entre outras informações contratuais.

Documentos necessários para abrir conta MEI

Os documentos necessários podem variar conforme a instituição financeira escolhida. Por isso, antes de mais nada, procure entrar em contato com a empresa para entender como abrir conta MEI e quais os documentos obrigatórios.

Em casos assim, é comum solicitarem os seguintes documentos:

  • CPF;
  • CNPJ;
  • Título de Eleitor;
  • Comprovante de Residência Recente (Deve estar em seu nome ou da empresa);
  • Certificado de Condição de Microempreendedor Individual (CCMEI) (Acesse o Portal do Empreendedor ou a Junta Comercial do seu estado);
  • Documento de Identificação (Além do CPF, apresente o Registro Geral ou carteira de motorista);
  • Código Nacional de Atividades Econômicas  (CNAE);
  • Dados Pessoais (Nome completo, data de nascimento, estado civil etc.);
  • Número do CEI (Cadastro Específico do INSS);
  • Telefone de Contato;
  • Endereço comercial;
  • Capital Social (Valor investido no negócio).

Quais as vantagens de abrir conta MEI?

Por estar habituada a esse nicho, uma conta MEI tem mais facilidade para lidar com assuntos voltados a microempreendedores. Por isso, ela pode agregar diversos recursos empresariais específicos, que realmente sejam eficientes em suas funções.  

Abaixo, vamos falar sobre os principais benefícios de abrir conta MEI:

1. Acesso a recursos de cobrança e pagamento

O acesso a recursos de cobrança e pagamento é uma das vantagens significativas de abrir uma conta MEI. São exemplos desse tipo de recurso: oferta de diversos meios para pagamento, emissão de boleto bancário e nota fiscal, facilidade para vendas online etc.

Geralmente, as instituições automatizam esses processos financeiros, o que evita prejuízos por erros humanos. Dessa forma, além de melhorar a organização dos seus recebimentos, você também diminui a inadimplência dos clientes, aumentando o lucro total.

2. Otimização das transações

Quando você abre uma conta digital MEI para o seu negócio, você experimenta uma série de otimizações e benefícios nas transações financeiras do seu empreendimento. Muitos processo financeiros passarão a ser mais descomplicado, assim como:

  • Emissão de nota fiscal e de boleto;
  • Venda online por link de pagamento;
  • Cobranças automatizadas;
  • Controle financeiro;
  • Gestão de fluxo de caixa;
  • Oferecer diversos meios de pagamento.

3. Maior segurança nas transações

As instituições de pagamento oferecem recursos de segurança avançados, como a senha, biometria e outras formas de autenticação. Estes métodos servem para evitar o acesso indevido de terceiros à sua conta, garantindo a proteção de seus dados sensíveis.

Na conta digital Asaas, por exemplo, além do monitoramento das transações e do bloqueio de cartão, a instituição também faz diversos treinamentos contra fraudes e golpes. Assim, sua conta fica protegida contra ataques cibernéticos que possam afetar a gestão.

4. Acesso às linhas crédito

Com uma conta digital, o MEI pode ter acesso a diferentes linhas de crédito, como financiamentos, empréstimos especiais, antecipação de recebíveis e outros serviços. 

A grande vantagem é que as contas digitais contam com taxas mais acessíveis do que bancos tradicionais, com melhores prazos de pagamento.  

Por meio destas funcionalidades de crédito, você poderá:

  • Aumentar seu fluxo de giro;
  • Evitar pagar multas por atraso de pagamento;
  • Novos investimentos para crescimento da empresa.

5. Facilidade na contabilização

A conta digital MEI proporciona acesso a diversas informações financeiras, como data de pagamentos, saques, depósitos e até mesmo opções de investimentos. Esses recursos simplificam o processo de contabilidade e a gestão financeira empresarial.

Esse tipo de conta também fornece informes de rendimentos, utilizados na declaração anual. Dessa forma, você terá as informações necessárias para cumprir suas obrigações fiscais, de forma rápida e simplificada.

6. Separação de patrimônio

Também é importante para o MEI ter uma conta específica para pessoa jurídica para não misturar sua contabilidade empresarial com as pessoais. Dessa forma, sua empresa evita sair no prejuízo e você mantém suas finanças pessoais seguras. 

Essa separação ajuda no crescimento da empresa, já que a gestão financeira será mais específica. Assim, será possível identificar com precisão o que pertence ao negócio e o que não pertence a ele.

Qual é a melhor conta para MEI?

Grande parte das contas digitais para MEI costumam oferecer recursos específicos para os microempreendedores individuais. Essas ferramentas devem ser completas e eficientes. Caso contrário, podem trazer diversos prejuízos, dificultando sua gestão financeira.

Por isso, para escolher o melhor banco para abrir conta MEI, você deve considerar critérios como:

Lembre-se de pesquisar muito bem sobre as plataformas antes de utilizá-las. Busque analisar os problemas financeiros da sua gestão e procure por uma instituição completa, que esteja disposta a atender suas necessidades. 

Diferença entre a conta digital e a conta de bancos tradicionais

A diferença entre uma conta digital e um banco tradicional reside principalmente nas características e nos serviços oferecidos. No geral, a escolha entre as opções depende das suas preferências e necessidades financeiras do seu empreendimento

A imagem compara as vantagens do Asaas com outras contas tradicionais.

Acesso Online e Mobile

As contas digitais são projetadas para serem gerenciadas de forma online ou por meio de aplicativos móveis. Já as contas de bancos tradicionais oferecem serviços em agências físicas, o que pode ser menos conveniente para quem prefere operações remotas.

No Asaas, você pode utilizar a função de cobrança de pagamento por meio do celular. Além disso, é possível acompanhar todos os relatórios financeiros da empresa, facilitando a gestão e controle do negócio.

Taxas e Tarifas

Contas digitais geralmente têm taxas mais baixas. Já as contas de bancos tradicionais, geralmente, cobram taxas mensais de manutenção e transações. Isso faz com que eles sejam uma opção mais cara em relação às contas digitais.

Na conta digital Asaas, você paga por cobrança recebida. Conheça os preços e taxas do Asaas.

Atendimento ao Cliente 

Geralmente, as contas digitais fornecem suporte principalmente online ou por telefone. Além de ser mais prático e rápido, o atendimento online pode ser feito em qualquer horário e local, facilitando a resolução do problema do cliente. 

Assim, você melhora a experiência do cliente, tendo em vista que a usabilidade de aplicativos de contas digitais tende a ser mais moderna e centrada no cliente.

Produtos Financeiros

Bancos tradicionais têm uma variedade de produtos financeiros. Entretanto, as contas digitais MEI oferecem serviços que facilitam os processos financeiros empresariais, como a cobrança e a emissão de nota fiscal.

A conta digital para MEIs do Asaas, por exemplo, oferece diversas vantagens exclusivas para a sua empresa, como:

Como abrir conta MEI no Asaas?

Abrir uma conta digital MEI no Asaas é simples, fácil e rápido. Você pode fazer o processo pelo computador ou pelo aplicativo no seu celular. Para abrir sua conta digital Asaas, você terá que:

  1. Acessar o aplicativo: você pode fazer o cadastro por meio da sua loja virtual (Android ou iOS) ou pelo site oficial;
  2. Ativar a conta por SMS: um código será encaminhado ao seu celular para ativar o cadastro;
  3. Passar pela prova de vida: o sistema pedirá que você tire uma foto selfie para confirmar a identidade;
  4. Dados comerciais: Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ), nome fantasia da empresa, Classificação Nacional de Atividade Econômica (CNAE);
  5. Dados pessoais: Certidão de Pessoa Física (CPF), Carteira Nacional de Habilitação (CNH), Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS); Foto do documento original de identificação do responsável pela empresa; RNE (Registro Nacional de Estrangeiros) e a Carteira Profissional (Exemplo: OAB/CRO/CRC/CREA)
  6. Conta bancária principal: É necessário inserir uma conta bancária principal para recebimento dos valores, que poderá ser alterada mais tarde. Ela deve estar no nome e CPF do titular/sócio administrador ou razão social e CNPJ da empresa cadastrada. 
Passo a passo para abrir uma conta digital.

Se você ficou interessado em abrir a sua conta digital MEI, não perca mais tempo. Acesse o site do Asaas e faça seu cadastro agora mesmo!

Simplifique o recebimento de cobranças com o Asaas

6 Comentários

  1. Daniel Santana

    Poxa, pra mim complicou. Não tenho comprovante de endereço em meu nome.

    Responder
    • Dayana Ama Jasmym

      tbm não tenho comprovante de renda como faco

      Responder
      • Vanessa Araujo

        Eu to na msm situacao e n sei o que fazer

        Responder
  2. ze da rocha

    fui abri uma conta cnpj com serviços essenciais ou seja( não precisa pagar taxas mensais para o banco), assim a gerente me falou que tenho que pagar 90 reais por mes,
    bom alguem pode me dizer se isso esta correto ?
    as contas com serviços simples fornece a mesma opção para uma pessoa fisica e não acrecenta nada, apenas fornece o serviço privado para empresas.

    Responder
  3. Guilherme

    MEI pode ter conta corrente com serviços essenciais?

    Responder
  4. Ederson Giacomelli

    boa tarde, posso usar minha conta corrente já existente, com meu cpf, para uso e depósitos recorrentes dos meus rendimentos como MEI ?

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.