6 erros comuns ao abrir uma startup

Depositphotos_110715636_m-2015.jpg.jpeg

 

Mesmo que as motivações e os métodos sejam diferentes, todo empreendedor sonha em fundar uma startup de sucesso. Com a facilidade de se acessar informações de negócios na internet e a possibilidade de se corresponder com outros CEOs bem sucedidos do mundo, pode parecer que não é possível errar. No entanto, as coisas não são bem assim.

Então, como abrir uma startup sem possibilidade de erros graves? Veja, a seguir, os 6 problemas mais comuns e como evitá-los:

1. Contratações ruins

O gerenciamento de pessoal pode ser uma tarefa delicada no surgimento de uma empresa, já que é preciso equilibrar os gastos de maneira sábia e, ao mesmo tempo, contar com um trabalho de alta qualidade para agradar os investidores. Não caia no erro de contratar amigos apenas pelo laço de amizade. É importante selecionar seus candidatos baseando-se na habilidade deles e de que forma iriam se encaixar na sua startup.

2. Único fundador

Você possui algum parceiro? Em caso negativo, é bom saber que isso costuma oferecer dificuldades para uma startup no seu início. Para começar, não inspira confiança em potenciais investidores, que podem pensar que você não conseguiu convencer ninguém a trabalhar junto contigo. Além disso, tudo fica muito mais fácil ao contar com outras pessoas que compartilham da sua visão e possuem os mesmos objetivos com a empresa.

3. Ideia pouco original

Todo fundador acredita que a ideia por trás da sua startup é sempre uma das mais inovadoras dos últimos tempos. No entanto, é necessário ter um distanciamento crítico para ver se esse realmente é o caso. Apostar em um conceito não tão original assim pode prejudicar o sucesso da startup. Isso não significa que a sua empresa precisa inventar um nicho completamente novo: vale a pena investir em uma nova abordagem sobre algo já existente.

4. Má localização

Pode parecer um detalhe superficial, mas a localização é de vital importância para o desenvolvimento de uma startup. Fique de olho em quais cidades costumam ter um maior foco na área em que a sua empresa busca atuar e não caia no engano de achar que é possível obter sucesso em qualquer lugar. Isso até é capaz de acontecer, mas virá carregado de várias dificuldades que conseguem prejudicar uma startup.

5. Excesso de informalidade

Quando são fundadas por amigos, as startups correm o risco de sofrer com uma falta de profissionalismo que pode levá-la à ruína. Muitas pessoas largam seus empregos tradicionais para se dedicarem a uma startup promissora com os colegas, e isso somente terá sucesso se tudo for encarado de maneira profissional. Isso significa encarar os negócios com a prioridade adequada.

6. Orçamento incompatível

Não ter dinheiro suficiente para iniciar o trabalho com a sua startup é um problema que pode agravar bastante os seus planos, mas o contrário também é prejudicial: orçamento em excesso. É preciso ter completa consciência da quantidade de recursos que você necessita para os seus objetivos. Ficar muito abaixo ou acima disso é danoso, pois impacta negativamente a sua estratégia com expectativas erradas.

Além de se manter longe desses erros, é importante que a sua startup se baseie em um método de negócios que possa trazer sucesso aos seus planos. Que tal trabalhar com um modelo de assinaturas? Para otimizar o seu uso e maximizar os ganhos com ele, é preciso usar um bom software de gestão. Saiba mais sobre as melhores práticas em gestão de assinaturas.

Gerar boleto

Esteja sempre bem informado sem pagar nada!

Cadastre-se e receba um e-mail semanal com as últimas novidades do blog.