5 vantagens que você terá ao abrir um MEI

Por Diego Contezini
29 de agosto, 2016

5-vantagens-que-voce-tera-ao-abrir-um-mei.jpeg
 
Em tempos de crise, tornar-se um MEI (Microempreendedor Individual) é uma alternativa para formalizar-se como microempreendedor.
Ter o próprio negócio é o sonho de muita gente. O problema, muitas vezes, é a falta de informação sobre o assunto e o medo da instabilidade. O que a maioria das pessoas não sabe é que abrir um MEI pode ser mais fácil, prático e vantajoso do que se imagina.
Pensando nisso, selecionamos 5 vantagens ao abrir um MEI. Aproveite para conhecer essa forma de formalização e tire suas dúvidas!

1. Seguridade e menos impostos

Abrir um MEI é simples e pouco burocrático. Por estar enquadrado no Simples Nacional, o MEI é isento de tributos nacionais (PIS, Cofins, IR, CSLL e IPI); o microempreendedor paga apenas uma taxa fixa mensal que varia entre 45,00 e 50,00 reais, dependendo do tipo de serviço prestado.
Esse valor é destinado à Previdência Social, ao ICMS ou ao ISS e garante benefícios como auxílio maternidade, auxílio doença e aposentadoria. Os benefícios também se estendem para a família, que podem contar com pensão por morte e auxílio reclusão logo a partir do primeiro pagamento.

2. Menor burocracia ao abrir um MEI

Todo o processo de abertura de um MEI é feito por meio do portal do empreendedor. Não é necessário fazer autenticações em cartórios ou em Junta Comercial. Sua empresa já sai registrada e com cadastro no CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica).
O melhor de tudo é que você faz tudo isso com rapidez, sem sair de casa e sem pagar nada. Essa praticidade sem dúvida facilita a vida do microempreendedor.
E quando sua empresa já estiver regularizada, você também terá menos burocracia para mantê-la funcionando, já que MEIs não são obrigados a manter escrituração contábil.
Entretanto, pode ser interessante contar com a ajuda de profissionais para manter em dia o relatório mensal de receitas brutas (obrigatório) — mas a contratação de serviços contábeis é totalmente facultativa.

3. Facilidade para obter crédito

Com o aumento expressivo das microempresas, muitos bancos criaram linhas de crédito especiais para MEIs com taxas de juros e tarifas menores, além de condições de financiamento que se enquadram nas necessidades do microempreendedor.

4. Facilidade para contratação de funcionário

Com o crescimento do seu negócio pode ser necessária a contratação de alguém para trabalhar com você.
Abrir um MEI permite que você contrate um funcionário, desde que ele receba pelo menos um salário mínimo ou o piso exigido pela categoria. Os custos para registrar um funcionário dentro do MEI também são mais baixos.

5. Emissão de documentos fiscais

Ao emitir notas fiscais, você formaliza e profissionaliza seu empreendimento, proporcionando outro tipo de relação com seus clientes e fornecedores e criando novas oportunidades.
A emissão de notas fiscais também é muito importante para que você mantenha melhor controle sobre as finanças da sua empresa. Isso ajuda a melhorar os rendimentos e aumentar os lucros. Sem dúvida uma ótima vantagem para o microempreendedor!
E você, já é registrado como microempreendedor? Como foi abrir um MEI? E como isso te ajudou? Deixe seu comentário e compartilhe suas experiências!